sexta-feira, dezembro 16, 2005

UM VELHO FILME EM CARTAZ



(Voz de Cavaco Silva atrapalhado):

Maria, sou eu, o Aníbal. Fiquei assim desde que disse que comigo era "mais verdade" e menos demagogia... Telefona ao Fernando Lima e ao Dias Loureiro, por favor...

3 Comments:

Blogger Sérgio said...

Parabéns pelo trabalho!

sexta-feira, dezembro 16, 2005 2:00:00 da tarde  
Blogger Arrebenta said...

Este blogue é dos que apresenta melhor tabalho sério sobre o Vampiro.
Meu caro, não se esqueça de enfiar http://great-portuguese-disaster.blogspot.com/ nos "links", onde o seu já está
Abraços

sábado, dezembro 17, 2005 11:41:00 da manhã  
Blogger Gaspar VS said...

l'Cavaco explicava há dias - não garanto que por estas exactas palavras - que o país precisa de inovação, imaginação, ousadia e sentido do risco.
Nem mais: sabe sempre bem constatarmos que há alguma coisa em que concordamos com os nossos oponentes.
Porém, a ser assim, a gente pergunta-se se Cavaco se imagina a si próprio com essas qualidades.
Inovação? Há quantas décadas terá ele inovado pela última vez, nem que fosse só ao nível do discurso?
Imaginação? Bom, bom, cuidadinho para não sair asneira...
Ousadia? Tal como, por exemplo?...
Sentido do risco? Teremos o mesmo dicionário?
Inovação, imaginação, ousadia e sentido do risco - eis, pois, o que recomenda o professor Cavaco. Que é como quem diz: votem Soares'
- João Pinto e Castro

domingo, dezembro 18, 2005 7:39:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home